A Jornada Agro Íntegra Continua – Histórias de Sucesso de Participantes Anteriores

08.06.2021

São Paulo, Brasil

Advisory Group Brazil paves the way for a sustainable future of the initiative

Em anos recentes, a Alliance for Integrity apoiou mais de 3.200 representantes de empresas para fortalecer seus mecanismos de compliance e, mais ainda, abrir novas oportunidades de negócio. Uma parte importante das atividades de treinamento da Alliance for Integrity é a Jornada Íntegra, que foi realizada na Argentina, no Brasil e na Índia. A Jornada Íntegra é um programa de mentoria desenhado especificamente para treinar pequenas e médias empresas (PMEs) em prevenção à corrupção. A Jornada contém dez estágios, incluindo um evento de kick-off, seminários online e um treinamento de prevenção à corrupção DEPE (De Empresas para Empresas – from Businesses to Businesses). Diante de uma conclusão bem sucedida do programa, os participantes são capazes de estabelecer, implementar e monitorar continuamente um sistema de compliance eficaz. O programa de treinamento estabelece as bases para o combate eficaz contra a corrupção, dando o conhecimento, os instrumentos e a rede necessários para tanto. Contudo, a Jornada Íntegra não se encerra em seu evento final, mas se inicia. O ponto crítico acontece quando os participantes retornam para suas empresas e colocam as medidas em prática. É por isso que vale a pena visitar as empresas alguns meses após a conclusão do treinamento e ver o que elas alcançaram desde então.

Um ano e meio depois de uma conclusão bem sucedida da primeira Jornada Íntegra no Brasil, três empresas participantes compartilharam suas histórias pessoais de sucesso com os membros do grupo de trabalho “Aprendizagem Entre Pares” da Alliance for Integrity. Eles conversaram sobre o processo de desenvolvimento e implementação de medidas de integridade, desafios que tiveram que superar e o impacto positivo da mudança da cultura corporativa em direção à transparência e à responsabilização entre partes interessadas.

Jessica Souza, antiga compradora estratégica na Ambar Tech, iniciou os trabalhos ao compartilhar sua história de sucusso com mais de vinte profissionais de compliance e especialistas presentes no encontro online. Ambar Tech é uma PME que opera no setor da construção civil no Brasil. Antes de iniciarem a Jornada Íntegra, a empresa não possuía nenhum mecanismo de compliance. “No começo, nós não tínhamos ideia sobre como começar a construir um sistema de compliance. Conseguir um guia concreto sobre quais passos tínhamos que tomar foi o maior ganho para nós. Sistematizar e monitorar medidas de compliance foi muito importante para conseguirmos fazer nossa empresa crescer, especialmente considerando o gerenciamento de riscos”, Jessica declarou. Ter participado na Jornada Íntegra foi instrumental para formar a visão estratégica da Ambar Tech. Um componente importante dessa estratégia forma o novo sistema de gerenciamento de riscos, o que não só identifica os riscos de curto prazo como também analisa os fatores sociais e legais que podem ter consequências de longo prazo para a empresa. “Essa abordagem inovadora também ressoa com nossas oportunidades de negócios. O estabelecimento de medidas de integridade e de compliance aprimoraram nosso relacionamento com parceiros de negócios. Nós agora temos uma ótima reputação na indústria, o que também nos torna atrativos para novos clientes”, concluiu Jessica.

Na sessão subsequente, Roseleila Vieira, gerente de recursos humanos na Cabelauto Brasil, compartilhou as experiências que teve durante a Jornada Íntegra. A empresa produz cabos elétricos e tem agora mais de 230 empregados. “A Jornada Íntegra teve um papel fundamental na transformação do nosso antigo Código de Conduta em um documento vivo que foi disseminado e colocado em prática por todos nossos funcionários”, ela salientou. Como um exemplo de boa prática, ela sugeriu a organização de reuniões semanais para envolver ativamente os funcionários e a alta administração no processo de implementação. Durante essas reuniões, novas necessidades foram identificadas e adereçadas para configurar as políticas de compliance de acordo com padrões internacionais, com as especificidades do mercado e com a estrutura da organização. Essa boa prática solucionou um dos maiores desafios da empresa: envolver a alta administração na implementação de um sistema ade compliance. Tê-los presentes nas reuniões semanais e liderando os debates deixou a mensagem bem clara para os funcionários.

André Bugarim, CEO da Parsec Engenharia, fechou a pequena série. O negócio de família opera no campo da engenharia civil e industrial e tem 40 funcionários. “Nós provemos para grandes empresas e multinacionais. Elas claramente esperam que nós cumpramos os padrões de integridade requeridos. O treinamento foi uma ótima oportunidade para nós trabalharmos em nossos mecanismos de compliance e não só manter as relações com partes interessadas, mas também gerar novas oportunidades de negócios”, ele explicou. “Nós já tínhamos processos de compliance estabelecidos antes de ingressarmos na Jornada Íntegra, mas eles não eram suficientemente aplicados. Agora, nós pudemos simplificar e até terceirizar esses processos. Eu recomendei outras empresas para padronizarem suas medidas de compliance de forma a me tornar um parceiro confiável para terceiras partes e manter uma boa reputação a longo prazo”, ele complementou.

A troca entre os membros do Grupo de Trabalho e dos participantes da Jornada Íntegra foi considerada proveitosa em ambos lados. Desenvolver sistemas de integridade toma tempo e demanda esforço, o que justifica a necessidade de se medir e avaliar os resultados no médio e longo prazo. Similarmente, é extremamente importante para compliance officers de grandes empresas entenderem as necessidades e dificuldades de PMEs implementarem um sistema de compliance eficaz. Essa compreensão permite que elas melhor lidem com as necessidades de suas cadeias de fornecedores e as apoie no aprimoramento de seus padrões de integridade. Em 2021, a Alliance for Integrity irá lançar uma nova edição da Jornada Íntegra no Brasil, focando em PMEs e cooperativas do setor agropecuário dessa vez. Para mais informações, por favor visite nossa página de treinamento.

Autor: Fernando Orn

 
Este site utiliza cookies. Você pode saber mais sobre seus direitos e como evitar cookies em nossa política de proteção de dados.Schließen