#COSP8: Evento Especial sobre Digitalização como um Fator de Mudança para a Integridade nos Negócios

16.12.2019

Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos

A Alliance for Integrity organizou um evento especial sobre o tema "Digitalização como Fator de Mudança para Fortalecer a Integridade nos Negócios em PMEs” na 8ª Sessão da Conferência dos Estados Partes (COSP) da Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção (UNCAC).

As pequenas e médias empresas (PMEs) desempenham um papel importante na economia, especialmente de mercados emergentes e em desenvolvimento. Atenuar os riscos de corrupção nas empresas é uma tarefa difícil e não existe uma solução única para todos. Isto é especialmente verdade para as PMEs que enfrentam desafios, como recursos humanos e financeiros limitados para o compliance. As ferramentas digitais podem fornecer uma solução potencial para essa questão.

O evento especial apresentou exemplos de boas práticas da Argentina, Brasil e Gana que mostram como as soluções digitais podem apoiar os esforços na área de integridade nos negócios. No Brasil, a "Jornada Íntegra" vincula metas de negócios de PMEs, como tornar-se fornecedor de uma grande empresa ou participar de uma licitação pública com a implementação efetiva de um programa de integridade. A Jornada Íntegra inclui 10 etapas que misturam componentes pessoais e digitais em áreas como a comunicação de um tom do topo, a realização de avaliações de riscos com a elaboração de diretrizes internas. Na Argentina, o “Passaporte para a Integridade” foi conduzido para melhorar o acompanhamento e a eficácia dos treinamentos de compliance em PMEs. As ferramentas digitais apresentadas no programa incluem webinars, autoavaliações por meio do TheIntegrityApp e sessões de mentoria com experientes profissionais de compliance.

Por outro lado, a abordagem apresentada por Gana se concentra na criação de mudanças comportamentais no nível individual. O Instituto de Engenharia de Gana e a Alliance for Integrity estão desenvolvendo uma ferramenta de aprendizagem baseada em cenários reais, ou um jogo sério, que os engenheiros terão que passar para obter sua certificação. O aprendizado baseado em cenários utiliza a gamificação para aumentar a conscientização e ensinar ética e integridade aos engenheiros.

Os palestrantes desta sessão incluíram Maria Lorena Giurovich, Gerente de Ética e Integridade da CEAMSE, Argentina, Daniela Seda, Diretora Executiva da 3Geo Consultoria, Brasil e Ing. Dr. Patrick Amoah Bekoe, Conselheiro Nacional e Presidente de Educação e Treinamento do Instituto de Engenharia de Gana.

Autores: Florian Lair e Amanda Rocha

 
Este site utiliza cookies. Você pode saber mais sobre seus direitos e como evitar cookies em nossa política de proteção de dados.Schließen